Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação
Libras
Mapa do Site

Echaporã, domingo, 27 de novembro de 2022 Telefone (18) 3356-1441

Atendimento Atendimento: Segunda a Sexta Feira das 8:00 as 11:00 e das 13:00 as 17:00 horas

Sáb
26/11
Parcialmente Nublado
Máx 27 °C
Min 14 °C
Índice UV
14.0
Domi
27/11
Chuvas Isoladas
Máx 27 °C
Min 17 °C
Índice UV
14.0
Segu
28/11
Chuva
Máx 27 °C
Min 16 °C
Índice UV
14.0
Terç
29/11
Chuva
Máx 29 °C
Min 17 °C
Índice UV
14.0

PALAVRA DO PRESIDENTE - Sexta-feira, 05 de Fevereiro de 2021

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

NOTA OFICIAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE ECHAPORÃ

NOTA OFICIAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE ECHAPORÃ


NOTA OFICIAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE ECHAPORÃ

Estamos vivendo um momento nunca visto, e nunca esperado, um momento triste para o mundo, para o Brasil e para nossa cidade, um momento onde pessoas estão morrendo e comércios, que antes já vinham lutando para se manter, estão prestes a fechar as portas. Nesta semana chegou ao meu conhecimento que estão espalhando boatos pela cidade, de que os vereadores mandaram fechar o comercio. Venho hoje como presidente desta casa, e em nome de todos os vereadores, dizer que isso é uma mentira. 

 

Se precisamos apontar um culpado pelo comércio estar fechado, segue aqui os responsáveis:


1° Corona vírus 
2° Pessoas irresponsáveis que insistem em se aglomerar e não respeitam as medidas de segurança.     
3 ° A falta de leitos de UTI que não é um problema antigo.


 Assim que a cidade de Echaporã como toda região, entrou na fase vermelha, o prefeito como todos os outros prefeitos da região, foi obrigado a cumpri-la, sendo assim, foi emitido um decreto, declarando que a cidade deveria cumprir as ordens do Governo Estadual, porém, muitos dos vereadores foram procurados, pois o decreto emitido pelo poder executivo não deixava claro o que poderia funcionar e o que não poderia. Sendo assim, muitas dúvidas e divergências surgiram e a Câmara Municipal se reuniu com autoridades municipais para solicitar que o decreto fosse mais claro e conseguisse esclarecer para população e comerciantes o que de fato poderia funcionar na fase vermelha.  


Essa foi nossa intervenção. 


Eu sei que em momentos difíceis de sofrimento é natural culparmos alguém pelo que está acontecendo, porem não vou permitir que os vereadores carreguem essa culpa sozinhos. 


Precisamos parar de ficar fazendo política e nos unirmos, e decidirmos juntos o melhor para nossa cidade sem ficarmos empurrando a responsabilidade para um ou para outro.


Eu proponho que vereadores, Prefeito e saúde, decidam juntos, neste momento, o que fazer, se a cidade irá respeitar a fase vermelha ou iremos juntos contra o decreto do governador.  Vamos decidir o que fazer e arcarmos juntos com as consequências da nossa decisão sem ficar com esse joguinho de empurra, empurra. 

 
Eu acredito que se o comercio de Echaporã respeitar as medidas de segurança não gerando aglomeração e controlar o acesso de pessoas ao local, não será ele o responsável pelo aumento de casos na cidade. sendo assim, eu Everton sou favorável a flexibilização se a maioria dos vereadores, o prefeito e o secretário de saúde também forem. 

 

Everton Alves
Presidente da Câmara Municipal de Echaporã

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Todos contra o Covid-19

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

Versão do sistema: 2.0.0 - 25/11/2022

Portal atualizado em: 25/11/2022 13:33:24

Câmara Municipal de Echaporã - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.